TV GC

Acadêmicos de Psicologia visitam Centro de Pesquisas Oncológicas e Associação de Integração do Cego

Durante a viagem de estudos, os estudantes conheceram a estrutura das instituições e a atuação da equipe de Psicologia no contexto da psico-oncologia e no trabalho de reintegração da pessoa cega

Unoesc - 20/11/2017 08:42

Unoesc


Acadêmicos da quarta e oitava fase de Psicologia da Unoesc Pinhalzinho visitaram, neste mês, o Centro de Pesquisas Oncológicas (Cepon), do Sistema Único de Saúde (SUS), e a Associação Catarinense de Integração do Cego (ACIC) em Florianópolis. Durante a viagem de estudos, os estudantes conheceram a estrutura das instituições e a atuação da equipe de Psicologia no contexto da psico-oncologia e no trabalho de reintegração da pessoa cega. 

De acordo com o coordenador do curso, professor Álvaro Cielo Mahl, o trabalho do psicólogo em ambulatório oncológico consiste em oferecer suporte emocional para o que o paciente expresse seu sofrimento, compreenda as dificuldades do momento vivido, além de instrumentalizá-lo para lidar da melhor maneira possível com as alterações e limitações impostas pela doença e pelo tratamento. 

Álvaro salienta que, no trabalho de reintegração da pessoa cega, a intervenção do psicólogo deve favorecer a autonomia e independência da pessoa, em seu processo de reabilitação, além de transmitir à família e à comunidade informações sobre procedimentos adequados no convívio com pessoas cegas, favorecendo o processo de inclusão. 

Para a acadêmica Claudia Backes, a viagem possibilitou visualizar "in loco" o conhecimento adquirido em sala de aula. " Pudemos observar a realidade das pessoas atendidas no Cepon e na ACIC e o trabalho dos psicólogos. Tudo isso é muito válido para a nossa formação profissional", avalia a estudante. 


Mais notícias