TV GC

ESTÁ LIBERADA A COLHEITA DO PINHÃO

De Olho no Campo - 12/04/2019 15:09


Estão liberados a colheita, o transporte, a venda e o consumo do pinhão a partir do dia 01/04/2019. O objetivo é garantir a reprodução da araucária, árvore que está ameaçada de extinção, e o consumo sustentável.

Mesmo com a liberação, a recomendação é que a semente seja colhida de pinhas que já caíram, evitando também o risco de quedas ao subir na araucária.

A legislação prevê que quem for flagrando colhendo ou vendendo pinhão antes de 1º de abril pode responder a processos administrativo e criminal. Há ainda a multa de R$ 300 para cada 60 quilos de pinhão.

Recomenda-se que mesmo sendo colhido na data permitida, a regulamentação proíbe, em qualquer data, o consumo e a venda das sementes verdes, quando o pinhão apresenta cor esbranquiçada e alto teor de umidade. Nesse estado, as pinhas podem conter fungos e ser prejudicial à saúde.

RECEITAS COM PINHÃO


O pinhão, derivado da árvore da araucária, é uma semente consumida pelo ser humano desde o período paleolítico. Rico em vitamina E, K e Cobre, este alimento é muito importante para o bom funcionamento do organismo, já que ajuda no processo de circulação sanguínea, na redução de riscos de doenças oculares e na amenização de dores musculares e cólicas. Diante de tantos benefícios oferecidos pela semente, preparamos várias dicas de receitas com pinhão para você fazer pratos deliciosos. 

Olha só o que encontrei de receita com pinhão, prato fácil de fazer e diferente para a nossa região que tem outros hábitos e costumes. A receita é Arroz de forno com pinhão. O arroz de forno com pinhão é um daqueles pratos que consegue agradar toda sua família! Que tal aprender e fazer hoje mesmo? Veja a receita!

Você o Tempo de 40min e rende 8 porções. Vamos aos Ingredientes do arroz de forno com pinhão: 5 xícaras (chá) de arroz branco cozido; Margarina para untar; Batata palha para polvilhar.

Fazer o Refogado de pinhão com os seguintes ingredientes: 2 colheres (sopa) de manteiga; 1 cebola picada; 1/2 pimentão vermelho picado; 2 xícaras (chá) de carne bovina cozida e desfiada; 2 xícaras (chá) de pinhão cozido e picado; 1 lata de milho verde escorrido; 1 tomate sem sementes picado; 1/2 xícara (chá) de cheiro-verde picado; Sal a gosto. Agora vamos fazer a cobertura com 3 ovos e 1 xícara (chá) de requeijão cremoso.

Depois de tudo isso, vamos entender o Modo de preparo: Para o refogado, em fogo médio, aqueça uma panela com a manteiga e refogue, por 3 minutos, a cebola, o pimentão, a carne, o pinhão, o milho, o tomate, o cheiro-verde e sal. Desligue e reserve. 

Em um refratário untado, faça uma camada com metade do arroz, uma com o refogado e outra com o restante do arroz. Para a cobertura, misture os ovos e o requeijão e despeje sobre o arroz. Leve ao forno médio, preaquecido, por 20 minutos ou até dourar levemente. Polvilhe com batata palha e sirva em seguida.

NOVOS PRODUTOS DA EPAGRI DISPONIBILIZAM INFORMAÇÕES AGROPECUÁRIAS EM FORMATO DIGITAL

A Epagri e a Secretaria de Estado da Agricultura e da Pesca lançaram no dia 29 de março o aplicativo InfoAgro, que reúne informações estratégicas da agricultura catarinense. O evento, que aconteceu na sede da Epagri, em Florianópolis, teve presença do Secretário da Agricultura e da Pesca, Ricardo de Gouvêa, e do Secretário da Casa Civil, Douglas Borba, além da Diretoria da Epagri, jornalistas e representantes de instituições ligadas ao setor agropecuário. Também foi lançada a Síntese Anual da Agricultura de Santa Catarina 2017-2018.

A presidente da Epagri conduziu pessoalmente toda a cerimônia de lançamento, que se diferenciou pela informalidade. Ela destacou a importância da parceria entre o Centro de Socioeconomia e Planejamento da Epagri (Epagri/Cepa), a Secretaria da Agricultura e da Pesca e o Ciasc para desenvolvimento do aplicativo. Edilene falou também sobre o novo formato digital das publicações da Epagri, que será enfatizado a partir de sua gestão. “Desenvolvemos dois produtos que visam comunicação direta com a sociedade”, ressaltou a presidente sobre o InfoAgro e a Síntese, que nesse ano foi editada somente em formato digital.

Já o gerente da Epagri/Cepa, Reney Dorow, considera que o InfoAgro vai promover uma revolução no modo de acessar informações geradas pela agropecuária catarinense. Ele lembrou que só uma instituição com a capilaridade da Epagri no Estado é capaz de capturar dados tão diversos, que estão sistematizados tanto na Síntese como no aplicativo. “O Estado é uma liderança nacional em agropecuária por causa desse conjunto de ações públicas que exerce por todo o seu território”, declarou Reney.

E o Secretário da Agricultura e da Pesca manifestou satisfação com a nova era digital que se vislumbra para distribuição de informações do setor, a partir do lançamento do aplicativo. Ele lembrou que a ferramenta vai servir para que agricultores, associações, cooperativas e outras instituições possam se beneficiar das informações disponíveis para alavancar ainda mais seus negócios. “Informação que fica na prateleira não serve para nada”, afirmou Ricardo de Gouvêa, destacando que a proposta do aplicativo é construir cenários e análises que permitam conquistar uma visão do que se pode fazer a mais pela agricultura de Santa Catarina.

O aplicativo InfoAgro já está disponível para downloads gratuitos tanto para celulares que usam sistema operacional Android, como para aqueles que usam iOS.

REUNIÃO DE DIRIGENTES DA EPAGRI


Na última semana participei como conselheiro do conselho de administração da Epagri, eleito pelos funcionários, da reunião de todos os dirigentes da Epagri, desde a presidente, todos os diretores, gerentes regionais, gerentes de estações experimentais, responsáveis administrativos das regionais da Epagri e o secretário estadual de agricultura e pesca Ricardo de Gouveia.

O evento aconteceu no Cetrecampos (Centro de treinamento da Epagri de Campos Novos) entre os dias 02 a 05 de abril. Foi a primeira reunião conduzida pela nova presidente Edilene Steinwandter com a participação dos novos gestores. 

Além da oportunidade dos novos gestores se conhecerem um pouco melhor, aconteceu o chamado "1º módulo de capacitação de novos dirigentes da Epagri". Foi um tipo de nivelamento em relação a diversos assuntos do dia a dia dos dirigentes, com apresentação feita por todos os departamentos estaduais.

Gostei muito do desenvolvimento da reunião, apesar de ter ficado somente um dia, mas pude entender melhor a dinâmica dos processos administrativos da Epagri, qual a visão de futuro desta diretoria e do governo de estado e compreender o quanto é importante a Epagri para o desenvolvimento da agropecuária e a pesca no estado catarinense.

Mais notícias