TV GC

DIA MUNDIAL DO MEIO AMBIENTE

De Olho no Campo - 07/06/2019 13:58


O Dia Mundial do Meio Ambiente é um evento mundial liderado pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente que acontece todos os anos, no dia 5 de junho, e é comemorado por milhares de comunidades em todo o mundo. Desde que foi instaurado, em 1972, se tornou a maior celebração do nosso meio ambiente.

Este ano a China sediará as comemorações do Dia Mundial do Meio Ambiente, em 5 de junho de 2019, com o tema “poluição do ar”.

Aproximadamente 7 milhões de pessoas morrem prematuramente a cada ano devido à poluição do ar, sendo 4 milhões das mortes somente na região da Ásia e do Pacífico. O Dia Mundial do Meio Ambiente deste ano incitará governos, indústria, comunidades e indivíduos a se unirem para explorar a energia renovável e as tecnologias verdes, bem como melhorar a qualidade do ar em cidades e regiões de todo o mundo.

A cidade sede do evento será Hangzhou, na província de Zhejiang. Porém, o governo chinês também se comprometeu a organizar as celebrações em várias partes do país.

O anúncio foi feito enquanto ministros do Meio Ambiente de todo o mundo participam do fórum ambiental global de mais alto nível, a Quarta Assembleia da ONU para o Meio Ambiente (UNEA), em Nairóbi, e após a publicação de um relatório de revisão sobre o controle da poluição do ar em Pequim nos últimos 20 anos.

ESTE ANO O TEMA É A POLUIÇÃO DO AR

A China será uma grande anfitriã global das comemorações do Dia Mundial do Meio Ambiente em 2019. O país demonstrou liderança no combate à poluição do ar internamente e, agora, pode ajudar a estimular outras partes do mundo a agirem. A poluição do ar é um desafio global e urgente que afeta a todos. A China irá, agora, liderar o impulso e estimular a ação global para salvar milhões de vidas, declarou Joyce Msuya da ONU.

O país asiático, com seu crescente setor de energias verdes, emergiu como um líder climático. Metade dos veículos elétricos e 99% dos ônibus elétricos do mundo circulam dentro de suas fronteiras. Ao sediar o Dia Mundial do Meio Ambiente em 2019, o governo chinês poderá mostrar sua inovação e avançar rumo a um ambiente mais limpo.

Segundo um novo relatório da ONU sobre poluição atmosférica na Ásia e no Pacífico, a implementação de 25 políticas voltadas para tecnologias poderia resultar na redução de 20% das emissões globais de dióxido de carbono (CO2) e de 45% das emissões globais de metano, o que poderia impedir a elevação da temperatura global em até um terço de grau Celsius.

Segundo a ONU Meio Ambiente, 92% das pessoas em todo o mundo não respiram ar limpo; a poluição do ar custa à economia global 5 trilhões de dólares por ano; a poluição do solo pelo ozônio deverá reduzir os rendimentos de cultivos básicos em 26% até 2030.

O PAPEL DA ONU COM O MEIO AMBIENTE

A ONU Meio Ambiente é a principal voz global em temas ambientais. Ela promove liderança e encoraja parcerias para cuidar do meio ambiente, inspirando, informando e capacitando nações e pessoas a melhorarem a sua qualidade de vida sem comprometer a das futuras gerações.

A ONU Meio Ambiente trabalha com governos, com o setor privado, com a sociedade civil e com outras instituições das Nações Unidas e organizações internacionais pelo mundo.

E o Brasil o que está fazendo para melhorar o meio ambiente, diminuir a poluição e trabalhar com políticas de produção sustentável ou liberar mais agrotóxicos e transgênicos?

E você agricultor e morador da cidade o que está ou pode fazer para melhor o ambiente que vive. Seleciona e separa corretamente o lixo que produz e entrega? Plantou uma árvore para sombra? Protege a fonte de água? Protege a mata ciliar?   Faz tratamento dos dejetos humanos? Vamos aproveitar este dia e fazer uma ótima reflexão. O que eu estou fazendo em prol do meio ambiente?

TEMPORAL AFETOU A REGIÃO


Já que estamos na semana do meio ambiente no dia 05 de junho comemoramos o dia mundial do meio ambiente, um evento climático chamou a nossa atenção na semana que passou na região extremo oeste catarinense. Muitas famílias foram afetadas, principalmente os produtores de leite que ficaram sem energia elétrica.

Uma forte tempestade atingiu a região de São Miguel do Oeste, Bandeirante, Paraíso e outros municípios na última semana, com rajadas de vento de 130 km/h por volta das 13h. Esse temporal e a chuva que atinge todo o Estado estão associados a formação de um sistema de baixa pressão em superfície, à corrente de jato superior e convergência em baixos níveis da atmosfera. O elevado aporte de umidade do ar em SC favoreceu a formação de nuvens de tempestade severa, denominadas de supercélula, que podem originar fenômenos como tornado ou microexplosão.

Pela avaliação preliminar das imagens de radar e dos danos provocados na localidade de São Miguel do Oeste, os meteorologistas da Epagri/Ciram definiram o fenômeno como uma microexplosão.

CAEPF E eSOCIAL IRÃO IMPACTAR A VIDA DAS FAMÍLIAS RURAIS


Recebi o convite da Epagri e prefeitura de Descanso para participar de um evento no Clube Sad em Descanso no dia 04/06/19. O objetivo foi conhecer um pouco mais sobre dois temas (CAEPF e eSocial) que afetam diretamente nossos agricultores. 

O CAEPF é o Cadastro de Atividade Econômica da Pessoa Física, e substituirá o CEI (Cadastro Específico do INSS) para as pessoas físicas. O CAEPF é administrado pela Receita Federal do Brasil e reúne informações das atividades econômicas exercidas pela pessoa física.

O Cadastro proporciona um meio eficiente de coletar, identificar, gerir e acessar os dados cadastrais relativos às atividades econômicas exercidas pelas pessoas físicas, servindo de apoio aos demais sistemas da Receita Federal do Brasil, bem como de outros órgãos da administração pública e demais usuários.

O CAEPF é obrigatório e será utilizado pelos produtores rurais ao prestar as informações no eSocial, plataforma que unifica a entrega das informações previdenciárias, trabalhistas e fiscais em uma única plataforma.

O evento foi promovido pela prefeitura e Epagri local de Descanso e teve a participação de mais de 200 pessoas. As informações sobre CAEPF e eSocial foram repassadas pelos profissionais da Receita Federal Sérgio Garbin e Roque Batirolla.

Pedimos aos agricultores que ainda não fizeram o cadastro que procurem os sindicatos, escritórios de contabilidade ou despachantes para maiores informações. Quem tem computador e internet em casa poderá fazer também o CAEPF e eSocial.

Lembrando que o eSocial, nada mais é que a prestação de contas de tudo o que é comercializado na propriedade, sendo que o mesmo vai iniciar em julho e todos os meses os agricultores deverão prestar contas.

Mais notícias