TV GC

Viva bem - celular x coluna cervical

Uso incorreto do celular pode causar danos na coluna cervical

Viva Bem - 06/01/2021 15:45 (atualizado em 06/01/2021 15:50)



Também conhecida como “text neck”, a síndrome do pescoço de texto ou 'pescoço tecnológico' é uma nova doença da coluna vertebral, causada principalmente pelo uso excessivo de celulares e dispositivos móveis. 

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), 80% da população mundial tem, teve ou terá dores nas costas provocadas por problemas de coluna e postura errada. No Brasil, os dados também são alarmantes: cerca de 30% da população do país apresenta algum caso de dor crônica na coluna.

Você sabia que o uso de telefones celulares pode dobrar ou triplicar o peso de sua cabeça ao inclinar o pescoço?

A cabeça em posição normal pesa 6 quilos, mas quando inclinada, a sobrecarga passa a ser maior, podendo atingir até 27 quilos.



Uma pessoa passa, em média, de 2 a 4 horas por dia na frente de um smartphone ou tablet com a postura inadequada.

A má postura com que manuseamos esses aparelhos, em geral com a cabeça flexionada para baixo, na direção do queixo, faz com que uma grande quantidade de peso seja depositada sobre toda a coluna. 

A posição inadequada alonga a musculatura que mantem o pescoço elevado, porém mais fracos, e encurtando a cadeia muscular anterior. Assim, a pressão discal aumenta causando degeneração precoce, dor no pescoço, tensão muscular, hérnias discais, formigamento ou dormência de membros superiores (em casos mais graves) e rigidez.

Tratamentos e prevenção

Levante a cabeça: o ideal é que o maxilar forme um ângulo de 90 graus com o pescoço. Ao invés de se abaixar para olhar o celular, levante o aparelho levemente abaixo da altura de seu rosto.

Trabalhos longos: Prefira seu computador de mesa ou laptop. Verifique se esses dispositivos estão dispostos ergonomicamente.

Mantenha os braços apoiados em uma superfície estável.


Alongue-se: de duas a três vezes por dia, faça exercícios de alongamento para aliviar a tensão no pescoço, como o movimento de “sim” e “não” com a cabeça.

Fortaleça seus ombros: exercícios de pilates e ioga são excelentes para fortalecer os ombros e a região da cervical. Músculos fortes são menos suscetíveis a problemas de postura e dores.

Caminhe: a caminhada, corrida e outras atividades aeróbicas, se praticadas com frequência, ajudam a melhorar a postura.

Liberte-se: é inegável que o celular é fantástico, mas que tal usá-lo sem excesso? Prestar mais atenção ao seu redor, conversar mais com os amigos e com a família é algo insubstituível.

Dores: se você sente dores fortes na região do pescoço e cervical, procure um médico especialista. Só ele terá condições de avaliar sua necessidade.

É importante tomar cuidado e buscar corrigir sua postura o quanto antes para evitar maiores danos futuros.

Hospital Regional Terezinha Gaio Basso de São Miguel do Oeste
Médico Éverton Zeni – Ortopedista/Traumatologista/Cirurgia da coluna vertebral - CRM: 18132| RQE: 12829
Diretora técnica - Katia Bugs – médica - CRM 10375 – Nefrologista - RQE 5333

Fonte: HRTGB
Envie suas sugestões de pauta para a redação
WhatsApp Business TVGC (49) 99936 0092

Mais notícias