TV GC

Felipão revive espírito copeiro dos anos 90 pelo Grêmio em duelo na Sul-Americana

Tricolor encara a LDU nas oitavas de final com o retorno do técnico multicampeão que conquistou vaga em 85% das vezes em jogos eliminatórios

País - 13/07/2021 09:45 (atualizado em 13/07/2021 09:45)

Luiz Felipe Scolari foi o grande responsável por conduzir o Grêmio para construir a identidade "copeira" em uma era multicampeã do clube na década de 90. Uma identidade que o técnico evoca nesta terça-feira, às 19h15, quando volta a comandar o Tricolor em um mata-mata. Desta vez, contra a LDU, no Casa Blanca, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana.

O retrospecto de respeito vai além dos títulos empilhados por Copa do Brasil, Libertadores, Brasileirão e Gauchão. A grande identificação do técnico com o clube extrapola a paixão de torcedor de Felipão e vem também do sucesso em competições deste tipo.

Scolari parte para a sua segunda Sul-Americana em uma extensa carreira de quem conquistou o Penta da Copa do Mundo com a Seleção. Mas os caminhos são semelhantes.

Felipão foi campeão da Copa do Brasil em 94, da Libertadores em 95 e do Brasileirão e da Recopa Sul-Americana em 96 com jogos eliminatórios pela frente. Também foi vice-campeão da Copa do Brasil em 95 e foi até às semis da Libertadores e da Copa do Brasil de 96.

"Tenho representatividade por uma série de fatores. Mas neste momento todos estamos em dificuldades. Mas o torcedor do Grêmio pode acreditar que estaremos presentes no vestiário para que tenhamos condições em todos os sentidos. O Grêmio é grande e somos parte disso", Felipão

Essa relação quase infalível entre a camisa tricolor e o treinador tem ainda três vitórias na Copa do Brasil de 2015 e mais a eliminação contra o Santos no ano anterior — o time gaúcho perdeu na Arena e depois perdeu pontos no STJD pela injúria racial cometida contra o goleiro Aranha.

São 64 partidas eliminatórias disputadas entre Brasileirão, Libertadores, Copa do Brasil, Recopa e Gauchão. São 36 vitórias, 16 empates e 12 derrotas, com 18 classificações buscadas, seis títulos e três eliminações, além da perda do Estadual de 2015.


> Felipão em jogos eliminatórios pelo Grêmio:

34 disputas (contando duelos com apenas um jogo)

64 jogos

36 vitórias

16 empates

12 derrotas

64,5% de aproveitamento

29 classificações (com 6 títulos)

5 eliminações (com 2 vices)

Garantiu a vaga (ou título) em 85% das vezes

Com o Palmeiras, Felipão chegou até a semi da Sul-Americana em 2010, mas foi eliminado pelo Goiás. O Grêmio vive momento delicado no Brasileirão, mas evita dar tom de prioridade para a competição. O treinador tem quatro desfalques para a partida: Rafinha, Geromel, Victor Bobsin e Ferreira. Douglas Costa deve começar como alternativa no banco.

— Eu posso dizer que prioridade não existe nenhuma. Nossa prioridade é jogo a jogo e estar em condições de superar os adversários. Claro que vamos estudar os adversários e possibilidades de mudar jogadores. Mas vamos jogar sempre com o melhor que tivermos, independente da competição — comentou Felipão.

O Grêmio joga com a LDU no Casa Blanca nesta terça, às 19h15, pelo duelo de ida das oitavas de final da Sul-Americana. O Tricolor recebe o time equatoriano na Arena na próxima terça.

Os mata-matas de Felipão pelo Grêmio


94 - Copa do Brasil - 10 jogos (6 vitórias e 4 empates) - campeão

95 - Libertadores - 8 jogos - (5 vitórias, 2 empates e 1derrota) - campeão

95 - Copa do Brasil - 10 jogos (4 vitórias, 3 empates, 3 derrotas) - vice-campeão

95 - Gauchão - 4 jogos (2 vitórias, 1 empate e 1 derrota) - campeão

96 - Libertadores - 6 jogos (3 vitórias, 1 empate, 2 derrotas) - eliminado na semi

96 - Brasileiro - 6 jogos (3 vitórias, 1 empate e 2 derrotas) - campeão

96 - Copa do Brasil - 8 jogos (5 vitórias, 2 empates, 1 derrota) - eliminado na semi

96 - Recopa Sul-Americana - 1 jogo (1 vitória) - campeão

96 - Gauchão - 2 jogos (2 vitórias) - campeão

2014 - Copa do Brasil - 1 jogo (1 derrota) - eliminação nas oitavas ao perder pontos no STJD

2015 - Gauchão - 5 jogos (2 vitórias, 2 empates e 1 derrota) - vice-campeão

2015 - Copa do Brasil - 3 jogos (3 vitórias) - deixou o clube


Fonte: ge
Envie suas sugestões de pauta para a redação
WhatsApp Business TVGC (49) 99936 0092

Mais notícias

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.