TV GC

ALERTA PARA O EXAME DE MAMOGRAFIA APÓS VACINA CONTRA COVID-19

William Casagrande Sanches é médico Oncologista Clínico e fala sobre o assunto em mais uma edição do programa Viva Bem

São Miguel do Oeste - 08/09/2021 20:01

William Casagrande Sanches é médico Oncologista Clínico


A mamografia é um dos exames mais importantes para a detecção do câncer de mama. Quando há o diagnóstico precoce, as chances de cura aumentam. O tratamento na fase inicial da doença pode ser menos agressivo à paciente. A faixa etária com maior incidência da doença é dos 50 aos 69 anos. Mas, a Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM) recomenda que mulheres a partir dos 40 anos de idade façam mamografia uma vez ao ano, para garantir o diagnóstico precoce da doença. 

O exame deve ser feito ainda mais cedo - a partir dos 30 anos de idade, em pacientes que têm histórico familiar de câncer.  A Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da Mama (Femama) está alertando as mulheres para que não façam exames de mamografia logo depois de terem tomado vacina contra a covid-19. 

O exame deve continuar sendo feito, mas a recomendação é de que as mulheres relatem ao médico caso tenham tomado a vacina. Isso porque os laudos de mamografias e ultrassonografias estão mostrando a presença de linfonodos, também chamados gânglios ou ínguas, nas axilas das pacientes. Em alguns casos, isso pode ser consequência da vacina contra a COVID-19. 

Na maioria das vezes, depois de 15 ou 30 dias que a paciente recebeu a vacina os linfonodos voltam ao normal. A vacina contra a COVID não provoca câncer. É apenas uma reação inflamatória do corpo ao imunizante. Caso a paciente esteja investigando algum nódulo ou caroço suspeito na mama, é preciso apenas informar o médico de que tomou a vacina.  

Não é para deixar de fazer o exame, mas, caso a mulher tenha tomado a vacina, a orientação é de a mamografia seja feita depois de duas a quatro semanas. E isso vale também para outros tipos de vacina, não só a COVID-19. 


Hospital Regional Terezinha Gaio Basso de São Miguel do Oeste

William Casagrande Sanches - médico Oncologista Clínico - CRM/SC 26160 - RQE 16670

Diretora técnica - Katia Bugs – médica - CRM 10375 – Nefrologista - RQE 5333


Envie suas sugestões de pauta para a redação
WhatsApp Business TVGC (49) 99936 0092

Mais notícias

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.